Parque Estadual do Papagaio-Charão – Planalto Médio do RS

Redes Sociais

Relato de Viagem – Parque Estadual do Papagaio-Charão/Planalto Médio

 

Resumo da viagem

 

Participantes do encontro: Carlos Eduardo Agne, Thuani Wagener, Luís Eduardo Santos, Paulo Fernando Bertagnolli, Fábio André Facco Jacomassa e Ramiro Almeida.

14570237_10211128785198188_4268253782568707703_n

Grupo de observadores – foto de Fábio André Facco Jacomassa

  • Data:29 e 30 de outubro de 2016.
  • Tipo:encontro mensal do Grupo de Observadores de Aves do Planalto Médio.
  • Destaquese quantidade de espécies: gavião-de-cabeça-cinza (Leptodon cayanensis) fotografada, papagaio-de-peito-roxo (Amazona vinacea) ouvida, murucututu-de-barriga-amarela (Pulsatrix koeniswaldiana) fotografada, tuju (Lurocalis semitorquatus) gravado, gavião-bombachinha (Harpagus diodon) fotografado, coruja-listrada (Strix hylophila) ouvida, vira-folha (Sclerurus scansor) fotografado, piolhinho-chiador (Tyranniscus burmeisteri) gravado, entre outros. Além das espécies destacadas acima, no total, foram registradas 114 espécies durante o final de semana.
Parque Estadual do Papagaio-charão

Vira-folhas foto de Paulo Bertagnolli

leptodon-bertagnolli

Gavião-de-cabeça-cinza foto de Paulo Bertagnolli

  • Nível de dificuldade: médio. Trilha fechada (trilha das araucárias), passando por pequenos córregos. A volta foi pela trilha (estrada) principal, terreno mais fácil de caminhar, apesar de alguns atoleiros. Em termos de distância, no máximo uns 8 km.
  • Infraestrutura do local: o parque não está aberto para visitação/turismo, pois o plano de manejo ainda esta pronto. Conseguimos acesso ao parque, tanto as trilhas como a infraestrutura (alojamento, cozinha) através da ONG – Asapan. O alojamento dispõe de algumas camas e alguns colchões, principalmente para pesquisadores e guarda-parques.
Parque EStadual do Papagaio-charão

Urutau

Parque Estadual do Papagaio-Charão

gavião-bombachinha, foto de Carlos Eduardo Agne

  • Como chegar:pra quem chega em Sarandi, tem que pegar a saída para Pontão, estrada de chão, em torno de 11 km. Pra quem vem de Passo Fundo, vem pela RS 324, entra, sentido Sarandi, por estrada de chão, até o parque são 4,5 km.
  • Custo da viagem: não foi calculado, mas os gastos foram com combustível e alimentação, pra quem foi no sábado, jantar, café da manhã e almoço, pra quem foi apenas no domingo, só o almoço (lanche).
  • Contato: Lara, que é a gestora do parque e Roberto Tomasi Jr. biólogo e presidente da ONG Asapan.
  • Lista das espécies: no link: taxeus.com.br/lista/8616
14657524_1137483579672960_6664512718905992711_n

Grupo em plena corujada – foto de Luis Eduardo Santos

Parque Estadual do Papagaio-Charão

Murucututu-de-barriga-amarela (Pulsatrix koeniswaldiana) foto de Carlos Eduardo Agne.

14570482_10211128788678275_4924521086037672589_n

Araucária gigante – foto de Fábio André Facco Jacomassa

Você pode gostar...

2 Resultados

  1. Ricardo O. de Oliveira disse:

    Muito bom tudo isso. Parabéns ao grupo. Grande abraço a todos.

  2. Aline disse:

    Muito bem, estão de parabéns! 😁

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fatbirder's Top 1000 Birding Websites