Sementes e Cabanha Butiá

Redes Sociais

Destino: Sementes e Cabanha Butiá – municípios de Coxilha e Sertão – Planalto Médio – RS

Por que vale a pena: cenário bonito, perto de Passo Fundo, tranquilidade, segurança, até o momento quase 200 espécies de aves registradas na fazenda.

grimpeiro_paulo_fernando_bertagnolli

grimpeiro

veste-amarela_paulo_fernando_bertagnolli

veste-amarela

  • Destaques:papagaio-charão, caboclinho-branco, veste-amarela, cisqueiro, carqueja-de-bico-amarelo, maçarico-de-sobre-branco, grimpeiro, sanhaçu-frade, arredio-oliváceo, pica-pau-anão-carijó entre outros.
cardeal_paulo_fernando_bertagnolli

Cardeal

carqueja_paulo_fernando_bertagnolli

carqueja

  • Nível de dificuldade: fácil. Trilhas fáceis, pequenas, pelo menos três trilhas na fazenda, uma no entorno do lago, uma na mata atrás das casa e outra na mata, na entrada da fazenda. Terreno é plano, sem grandes subidas e descidas.
  • Infraestrutura do local: boa.Não disponível para visitantes. É uma propriedade particular, dedica a agricultura e pecuária.
balanca-rabo-de-mascara_paulo_fernando_bertagnolli

balanca-rabo-de-mascara

caboclinho_branco_paulo_fernando_bertagnolli

caboclinho_branco

  • Oportunidades fotográficas: muito boas.Vários trechos com áreas abertas e iluminadas, aves se aproximam com o playback. Facilidade para fotografar as espécies de ambientes abertos e aquático. Grandes concentrações de marrecas e patos-do-mato.
  • Como chegar:acesso é via BR 153, não pavimentada.
  • Logística:encontro em Passo Fundo, cidade vizinha, na ida até a fazenda passarinhando pelo caminho. Para passar o dia é importante levar água e alimentação necessária. Contatar o proprietário antes. Sem taxas de visitação.
_paulo_fernando_bertagnolli

quem_te_vestiu

andorinha-de-dorso-acanelado_paulo_fernando_bertagnolli

andorinha-de-dorso-acanelado

  • Contato: Paulo Fernando Bertagnolli, proprietário da fazenda, pode ser via Carlos Eduardo Agne, ambos, através do wikiaves ou facebook.
  • Quando ir: há aves em todas as épocas. No inverno é sempre muito frio e chuvoso, mas existe a possibilidade de registro de espécies oriundas do sul do continente que aparecem raramente na localidade, como a viuvinha-de-óculos. Melhor época para ver os papagaios é no final de agosto e início de setembro. As espécies migrantes, maçaricos e caboclinho-branco, é melhor na primavera.
  • Lista de espécies: lista de espécies registradas até o momento na fazenda, está disponível no link: http://www.taxeus.com.br/lista/5498
_paulo_fernando_bertagnolli

macarico-de-sobre-branco

Você pode gostar...

1 Resultado

  1. Elaine disse:

    Credo que fantástico parabéns DrPaulo Fernando Bertagnolli.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fatbirder's Top 1000 Birding Websites